quinta-feira, 19 de maio de 2011

O por quê do sumiço...







Vale do Capão - Chapada Diamantina, Bahia, Brasil!

Simmmm cá estou. Me permitindo conhecer o novo e aprender dia pós dia com as pessoas daqui.
Enquanto nós estamos acostumados a viver na mesma cidade q outras pessoas, e passar por elas despercebido, aqui todos se conhecem.. todos se cumprimentam mesmo q n saibam o nome um do outro (até por causa do tamanho da cidade né). Minha maior marra com Brasilia era a distância das pessoas. Quem me conhece, sabe q n sou mt fã de pessoas, tenho pouquissimos amigos, e me dou melhor com meu cachorro do que com eles, mas acho fantastico a proximidade entre vizinhos de cidade/habitantes do mesmo planeta. Afinal, tds estamos no mesmo barco :P
Enquanto vamos ao supermercado comprar comida, as pessoas daqui (pelo - a maioria),  produzem no proprio quintal de sua casa, cultivando dia pós dia. O pão, é 100% integral, e só 1 pessoa da vila faz e distribui pra todos. As decisões são tomadas no coreto, e nem polícia tem por aqui.
É o modo de vida puramente sustentável, sem hipocrisia e sem o conceito "modista-ecologico", que a sustentabilidade tomou nos ultimos tempos.
Claro, não é o lugar perfeito. As pessoas não são santas, apesar de parecerem HUIASHAUIS
Mas estou aqui, acordando todos os dias, e dando comida aos macacos, brincando com os cachorros e observando essa natureza espetacular que a Chapada possui.
Aqui o sinal de celular é zero, mas quer saber? N estou nem sentindo falta.
Cada dia uma lição diferente.. cada dia uma revisão de conceitos.. toda a experiencia de vida é válida!

*******

Sabado passado fomos na cachoeira da fumaça... a tal, falada no mundo todo. São 6 km de subida até a base, mais 6 km no plano até a cachoeira. Uhul, minha primeira trilha, coisa e tal...
Mas meus leitoresss....... vcs n tem noção do cansaço que é! Da fadiga, a falta de ar q dá vc estar a 1.350 metros acima do mar, caminhando a 3 horas. Acho que conhecí o efeito que uma trilha faz no corpo. Vc conhece seus limites, conhece suas capacidades físicas. E euuu q estou no auge dos meus 17 anos e nem no pé consigo tocar agachada com o joelho reto... eu sofrí pakas. Na volta, comecei a variar.. a ver as nuvens indo e vontando do céu pra terra AIUSHIAU enfim.. valeu a pena! É uma das coisas mais lindas do Brasil.. fiz uma jura q nunk mais voltaria lá, mas deixa algum conhecido aparecer por aqui, q eu levo só pra ver a pessoa mais enfasteada do que eu (Muahaha).

E por aqui vou ficando.. qualquer dia desses conto uma coisa nova.. bjim bjim bau bau